Nosso sistema imunológico é naturalmente poderoso, mas precisamos dar uma ajudinha para ele funcionar perfeitamente para proteger o nosso organismo contra bactérias, vírus, fungos, substâncias químicas etc. Manter a qualidade do sono adequada, praticar exercícios físicos, controlar o estresse, tomar um solzinho são alguns cuidados que devemos ter para fortalecer a imunidade natural do corpo. Mas é por meio da nossa alimentação, que fornecemos ao sistema imune todos os nutrientes necessários para manter essa blindagem em dia.

Veja alguns dos alimentos que não podem faltar na sua rotina para ativar a sua imunidade natural:

Cereais integrais

É o arroz, quinoa, milho, aveia, painço, trigo, cevadinha e aveia. São excelentes fontes de carboidratos que fornecem energia às células de defesa, fibras que mantém o intestino saudável, onde ocorre a produção das células de defesa, minerais como magnésio e zinco, importantes para a produção e atividade das células de defesa e antioxidantes, que protegem as nossas células contra a ação de radicais livres (moléculas capazes de danificar as células saudáveis).

Leguminosas

Aqui estão os feijões, grão-de-bico, lentilha, ervilha, soja e edamame. Ricos em proteínas, ferro, fibras, zinco, fósforo e ácido fólico, esses grãozinhos não podem faltar. Sempre que possível, varie o consumo delas, assim você garante uma maior variedade e quantidade de nutrientes.

Frutas e Hortaliças

Ricos em vitaminas, minerais, fibras e antioxidantes, seu consumo diário deve ser de 400 g ou 5 porções. Todos os tipos de frutas, legumes e vegetais são importantes, quanto mais variado e colorido o consumo, melhor. Descubra novos sabores e aproveite para experimentar uma fruta ou hortaliça que nunca consumiu.

Castanhas e sementes

Com alta concentração de minerais (zinco, selênio, magnésio), vitaminas (E e complexo B), gorduras boas (ômega 3) e fibras, todos estes com função importante para a produção e funcionamento das células de defesa, esses alimentos devem estar presente diariamente nas refeições. E o mais legal, é que pode ser realmente em qualquer refeição: café da manhã, almoço, jantar e lanches. Isso porque elas são super versáteis e combinam com diversos outros alimentos, dando sempre um sabor e texturas especiais aos alimentos. Alguns exemplos são: linhaça, chia, gergelim, semente de abóbora, semente de girassol, castanhado- pará, castanha-de-caju, castanha de baru e amendoim.

Água

Embora não seja um alimento, a água é um item primordial na nossa alimentação. Essencial para a absorção e transporte de nutrientes, respiração e eliminação de toxinas pelo corpo, o seu consumo diário varia de acordo com o idade, peso e nível de atividade física de cada pessoa, mas normalmente é indicado ingerir 35 ml de água por quilo de peso, ou seja, se você pesa 70 kg, deve consumir 2,4 litros de água por dia.

Notou que não tem nenhum alimento diferente do que você (provavelmente) já consome? Basta manter o equilíbrio, aumentar a variedade dos alimentos no seu prato, fazer escolhas conscientes e aproveitar verdadeiramente o sabor de cada um 😉.